Últimas
Colunas

Facebook cria aplicativo que descobre se você é ou já foi corno

Com o intuito de contornar a máxima "O corno é sempre o último a saber”, uma agência carioca lançou recentemente o aplicativo “Faceboi”. O polêmico recurso é, como o nome já diz, restrito para homens, que também podem usá-lo para avisar aos amigos, de forma anônima, sobre supostas traições. Com o lema “amigo mesmo, avisa”, o aplicativo - somente disponível para celulares Android - procura pistas sobre possíveis casos das namoradas no Facebook e cria uma rede anônima para que amigos informem casos de traição sem estremecer a amizade.

Desde a descrição, o "Faceboi" põe a "pulga atrás da orelha": “Longe da gente fazer inferno na vida dos outros, mas será que aquele ‘chopinho com as amigas’ terminou numa noite de queijos e vinhos entre a sua gata e aquele carinha novo do trabalho?”, diz. Para que o aplicativo funcione, é preciso que o usuário associe sua conta do Facebook. A dinâmica de funcionamento para identificar a traição não é revelada, mas acredita-se que há um cruzamento de informações relativos ao número de likes dados a uma pessoa específica, quantidade de comentários ou o próprio conteúdo das mensagens.

Na tela inicial, há a opção de buscar por indícios de traição (“Você está em dúvida se foi traído?”) ou avisar amigos sobre traições alheias (“Vai avisar um amigo do chifre?”). As mensagens só podem ser enviadas para contatos no Facebook.

Para avisar os amigos, o app fornece uma série de hashtags bastante explicativas e bem humoradas, como #amigogay (“que não conhece uma música da Madonna, toma cerveja no gargalo e sabe a escalação do Megão de 81”), ou #cartãovermelho, (“enquanto você pensa que é o Messi, tem atacante, zagueiro e gandula balançando o capim no fundo dela").

Blog do Tião Lucena